Educadora Fafit 88,7 Mhz

Itararé

  • Temperatura Mínima 14
  • Temperatura Máxima 21

No Ar!

Quarentena

Ouça ao Vivo

População terá exames de Acuidade Visual (av) proporcionados pelo BOS, em parceria com a Secretaria de Saúde

Publicado em 2 jun 2018

Nesta semana, o vereador Edenilson de Genaro, esteve na sede do BOS ( Banco de Olhos de Sorocaba), onde requisitou a vinda do Consultório Móvel do Banco de Olhos para a realização de um mutirão de exames oftalmológicos em Itararé.

Segundo o vereador, a Secretaria de Saúde em parceria com os profissionais do Banco de Olhos de Sorocaba (BOS), irá realizar testes de Acuidade Visual (identificação de miopia, astigmatismo e hipermetropia), além de glaucoma e pressão dos olhos.

De acordo com o vereador Genaro, a população poderá fazer os exames sem precisar se deslocar até Sorocaba. “Hoje em dia está muito difícil se deslocar para outra cidade, ainda mais com a iminente falta de combustível, por isso, contribuir para a realização destes exames em Itararé é uma satisfação enorme”, disse.

Além disso, o paciente que estiver pensando em pagar pelos exames, poderá economizar esse dinheiro, já que os exames serão oferecidos gratuitamente pelo BOS.

Postado em: Notícia


Volta da Feira das Nações é mega sucesso em Itararé

Publicado em 13 nov 2017

A Praça Matriz ficou pequena para o tamanho da saudade que os itarareenses tinham da Feira das Nações. Realizado no último final de semana, de sexta a domingo, o evento foi um mega sucesso, com presença maciça de público até mesmo na abertura, minutos depois de uma tempestade.
Foram 3 dias de Praça cheia, com movimento intenso nas barracas dos 16 países representados pelas 8 entidades beneficentes envolvidas na organização: Apae; Copaddi; Educandário; Guarda Mirim; Fundo Social; Lar São Vicente; Santa Casa e Vicc.
Além das comidas típicas, preparadas pelas entidades com auxílio dos pais e alunos voluntários do Colégio Fafit Objetivo e da Fafit, a Feira das Nações contou também com apresentações de música e dança tradicionais apresentadas pelos alunos do Colégio, do Educandário, da Apae e do Studio de Dança Valter Oliveira. E após as apresentações típicas, a Prefeitura Municipal, através da Coordenadoria de Cultura, promoveu shows de música ao vivo.
Como nas edições dos anos 80 e 90, a Feira das Nações se tornou um espaço de diversão para toda família. Há anos não se via a Praça Matriz tão cheia de crianças brincando em volta da fonte, correndo por todos os lados, adolescentes e jovens se divertindo e pais e idosos tranquilos, graças ao ambiente familiar e a segurança garantida pelo policiamento constante da Guarda Municipal. Parecia uma verdadeira volta ao tempo. Foi um resgate histórico e cultural não só da Feira das Nações como também da Praça Matriz, que há anos não se via tão cheia.
E, como disseram os organizadores, a Feira das Nações renasceu pequena! De acordo com o prefeito Heliton do Valle, a próxima edição do evento já está garantida e com espaço ampliado. “Nós do Colégio Fafit Objetivo e da Fafit estaremos a disposição das entidades novamente nas próximas edições, sempre contando com o apoio voluntário dos alunos, pais e toda equipe de profissionais que abraçaram esta causa”, finalizou a diretora do Colégio Fafit Objetivo, Giovana Gusmão.

Postado em: Notícia


Corrente do bem: Feira das Nações leva pais e alunos do Colégio Fafit e da Fafit a se voluntariarem em prol de entidades beneficentes

Publicado em 8 nov 2017

A volta da Feira das Nações à Praça Matriz de Itararé nos próximos dias 10, 11 e 12 de novembro, gerou uma corrente de solidariedade por parte dos pais e alunos do Colégio Fafit Objetivo e da Fafit em prol das 8 entidades beneficentes envolvidas no evento.
Como a Prefeitura Municipal se responsabilizou pela montagem de toda estrutura da Feira das Nações na praça, as entidades – Apae; Copaddi; Educandário São Vicente de Paulo; Fundo Social; Guarda Mirim; Lar São Vicente de Paulo; Santa Casa e Vicc – contam com apoio voluntário dos alunos e pais de alunos do Colégio Fafit Objetivo e da Fafit para a organização, arrecadação parcial dos alimentos, feitio das comidas típicas e atendimento ao público nos dias da Feira.
De outubro para cá tem sido comum na rotina dos voluntários o agito através de grupos de whatsapp para definição de cardápio, divisão de tarefas e a movimentação atrás de arrecadação de alimentos. Pais que trabalham com produção laticínios, com cultivo ou venda de legumes, frutas e verduras garantiram suas doações, e, em contrapartida, outros pais correm atrás de doações de amigos que possam ajudar.
Entidades como Santa Casa, Copaddi e Educandário, por exemplo, tiveram grande parte dos alimentos arrecadados através do auxílio da corrente formada pelos pais voluntários. A advogada e mãe de aluna do Colégio Fafit Objetivo, Josleide Scheidt do Valle, é uma das muitas mães que vestiram a camisa da Feira das Nações e tem sido extremamente ativa no auxílio à Santa Casa de Itararé: “me dispus a ajudar por varias razões. Primeiro porque desde que a Bia entrou na escola eu participo da Feira das Nações da escola, que resulta da união dos pais e professores. Segundo por levar em conta que nesta Feira das Nações as arrecadações serão em prol das entidades de Itararé, que se encontram em situação financeira tão difícil, contando com tão pouco recurso que com muito esforço conseguem arrecadar. E em terceiro porque ultimamente tenho estado mais aberta ao voluntariado e percebendo que o pouco que a gente se doa faz a gente se sentir melhor do que quem recebe a ajuda, exercitando mais o amor ao próximo. Enfim…. é muito bom!”.
A empresária Gisele Marcela Jacopetti Correa Fernandes, mãe de dois alunos do Colégio Fafit Objetivo é outro exemplo. Ajudou a barraca da Holanda desde a escolha do cardápio, organização das equipes de trabalho, elaboração das comidas típicas e decoração. “O que me fez ser voluntária foi por ter passado um problema sério de saúde com meu marido em 2010 e desde o ocorrido resolvi que, no que eu pudesse ajudar as pessoas, eu ajudaria com o maior prazer! Assim eu estaria retribuindo a Deus pela vitória que tivemos, ajudando quem também está precisando”, conta Gisele.
A movimentação desta corrente do bem em prol das crianças do Educandário, da Apae e da Guarda Mirim; dos idosos do asilo; dos pacientes do Vicc e da Santa Casa; dos dependentes químicos assistidos pela Copaddi; e dos carentes socorridos pelo Fundo Social fez alguns lares virarem um verdadeiro “quartel general” da Feira das Nações. Caso da residência da avó de aluna do Colégio Fafit Objetivo, Rosaria Cusin. Sua casa sediou reuniões da barraca da Índia, jantar de degustação de comida indiana para definição do cardápio da barraca, e, nesta semana, todo pré-preparo das comidas será feito na casa da vovó voluntária.
Os acadêmicos dos cursos de graduação da Fafit também se movimentaram para arrecadação de alimentos e auxiliarão as entidades nas três noites de Feira das Nações, no atendimento ao público, venda de bebidas e no fechamento de caixa do evento.
E valendo a máxima “um exemplo vale mais que mil palavras”, o alunos estão seguindo o exemplo dos pais e colaborando como podem com as entidades. Os filhos de Gisele são caso típico disto. “Eles já se espelham em mim e meu marido. Meu filho Matheo se voluntariou para as gravações dos vídeos para divulgação das entidades, já o Lorenzo se prontificou a ajudar nos dias da festa. Acredito que a semente esteja plantada e agora estamos colhendo os ensinamentos”, comentou a empresária. “Acredito que minhas ações me definem e servem de exemplo não só para minha filha, mas para muitos que de repente sentem vontade de também ser voluntário e ainda não tiveram a oportunidade de fazê-lo”, observou Josleide.

Acima, degustação para definir cardápio da barraca da Índia, com alunos, pais e vovôs voluntários. Abaixo, da esquerda para a direita, a voluntária Gisele Fernandes, junto das embalagens que serão utilizadas na Feira das Nações e, à direita, a voluntária Josleide Scheidt do Valle, uma das muitas mães que batalham pelas entidades “adotadas” pelas turmas do Colégio Fafit Objetivo


CORRENTE DO BEM FORTALECENDO VÍNCULOS: O envolvimento do Colégio Fafit Objetivo com a Feira das Nações tem promovido uma forte interação entre os alunos e as pessoas assistidas pelas entidades beneficentes, tornando os estudantes mais sensíveis às necessidades do próximo.
A turma que “adotou” o Educandário São Vicente de Paula visitou a entidade. Já a Copaddi trouxe ex-internos para palestrar para estudantes de 14 a 18 anos sobre os malefícios da droga na vida das pessoas. Outras interações tocantes no colégio aconteceram com a Apae e o Vicc, associação de apoio aos doentes de câncer. Os estudantes do 7º e 8º Anos passaram um dia de confraternização com os alunos das Apaes da região, durante um torneio de futsal realizado na cidade. E da parceria com o Vicc surgiram palestras sobre o Outubro Rosa com oncologista e uma paciente em tratamento, que abriu um banco de arrecadação de cabelos.
Além disso, os laços de amizade entre os pais de alunos acabaram se fortalecendo, após tanta conversa por whatsapp e reuniões para organização de cada barraca. “Acabamos criando vínculos com outros pais neste processo de planejamento. Convivemos mais de perto, fizemos degustação dos alimentos que vamos vender na barraca, fizemos relação de compras para a Feira. Até socialmente o projeto da Feira das Nações nos trouxe benefícios”, disse Michele Tonelli, uma das muitas mães de alunos do Colégio Fafit Objetivo que “vestiu a camisa” da entidade que adotou.

FEIRA DAS NAÇÕES: A Feira das Nações será realizada na Praça Matriz, de 10 a 12 de próximos. Na sexta-feira e no sábado, a partir das 19h e, no domingo, a partir das 16h. Serão servidas comidas típicas da Alemanha; Argentina; Brasil; Espanha; Estados Unidos da América; França; Holanda; Índia; Itália; Japão; Marrocos; México; Paraguai; Polônia; Portugal; e Turquia. Além disso, cada País terá uma apresentação cultural de dança e música, realizadas por alunos do Colégio Fafit Objetivo, pelo Educandário e pela Apae. Após as apresentações, a Prefeitura Municipal promoverá shows musicais nas três noites do evento. Participe!

Postado em: Notícia


Conselho Regional de Administração visita Fafit e estende serviços à comunidade itarareense

Publicado em 6 out 2017

A unidade móvel do Conselho Regional de Administração (CRA) virá para Fafit, dia 16, para orientar os acadêmicos do curso de Administração sobre a profissão e o mercado de trabalho. Além disso, a equipe do CRA Móvel fará para a população de Itararé a emissão de Carteiras de Trabalho (CTPS) e registros de carteiras profissionais e de estudantes de administração.

Considero muito importante para a Fafit e para a nossa região receber a visita do CRA Móvel, um projeto desenvolvido pelo Conselho Regional de Administração – SP, que visa estreitar as relações com as faculdades, com os acadêmicos de Administração e também com a população”, observou o diretor acadêmico da Fafit e coordenador do curso de Administração, Ms. Marcus Vinícius Gonçalves.

O CRA Móvel trará para Itararé também o Projeto “Ler é Saber”. “Trata-se de uma campanha cultural de incentivo à leitura. É uma biblioteca itinerante que acompanhará o CRA-SP Móvel e conta com um acervo de mais de mil títulos. O objetivo da campanha é que os livros pegos gratuitamente, sejam repassados futuramente após a leitura. Dessa maneira, todos terão a oportunidade de ler. Doações de livros também são bem-vindas”, disse Marcus Vinícius.

Equipada com computador, impressoras de termo transferência que produzem impressões rápidas e imagens de alta resolução, ar-condicionado e TV de 32 polegadas, a Van do CRA-SP Móvel possui infraestrutura completa para atender a todos.

O atendimento está previsto para o dia 16 de outubro a partir das 19 horas no Campus das Faculdades Integradas de Itararé, na Rua João Batista Veiga, 1725.

Van do projeto CRA Móvel

Postado em: Notícia


Fafit e o Colégio Fafit Objetivo promovem palestra sobre “Outubro Rosa”

Publicado em 5 out 2017

A Fafit e o Colégio Fafit Objetivo promovem hoje uma palestra gratuita, aberta ao público, sobre o “Outubro Rosa”, com o oncologista Ivo Baptista Junior.

A palestra será realizada às 19h30, no Auditório da Fafit, à rua João, Batista Veiga, 1725.

O movimento Outubro Rosa ocorre durante o mês de outubro e tem como objetivo ressaltar a necessidade da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama. É um período em que profissionais da área da saúde visam conscientizar a população feminina e a sociedade em geral sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama.

O câncer de mama vem atingindo pessoas cada vez mais jovens e é o tipo de câncer que mais mata mulheres no Brasil. O movimento Outubro Rosa ressalta a importância do autoexame rotineiro na vida de toda mulher e da mamografia anual a partir dos 40 anos, e até antes ou com mais frequência, dependendo do critério médico.

Participem!

Postado em: Notícia


Alunos do Colégio Fafit Objetivo visitam Educandário e participam de palestra com ex-internos da Copaddi

Publicado em 4 out 2017

O Colégio Fafit Objetivo firmou parceria com 9 entidades filantrópicas de Itararé, para apoio voluntário na realização da Feira das Nações, que será realizada de 10 a 12 de novembro, na Praça Matriz de Itararé.

Cada duas turmas do Colégio “adotou” uma entidade filantrópica e alunos e seus pais auxiliarão as entidades na produção de alimentos e no atendimento ao público durante a Feira. Além disso, os estudantes farão apresentações culturais típicas dos países representados no evento. “Após 3 edições realizadas aqui na escola, a nossa Feira das Nações agora vai à Praça Matriz e nós aproveitamos para ensinar não só o conteúdo pedagógico relacionado à Feira, como informações aos estudantes sobre história, geografia e cultura dos países, mas aproveitamos para ensinar aos alunos o valor da solidariedade e da empatia”, explicou a diretora do Colégio Fafit Objetivo, Giovana Gusmão.

E a parceria não parou por aí! Esta semana o Colégio começou a trazer para seus alunos a realidade vivenciada por cada entidade.

Ontem, 3 de outubro, os alunos do 5º Ano foram visitar o Educandário São Vicente de Paulo, conhecendo de perto os alunos e os projetos educacionais da instituição que atende crianças no contra turno escolar com aulas de informática, dança, música, artes e esportes.

Hoje, a Copaddi, entidade que cuida da recuperação de dependentes químicos, veio até o Colégio com seu presidente, Carlos Alberto Machado, e dois ex-internos que se recuperaram na Copaddi e são voluntários da instituição, Donizeti Rodrigues de Almeida e Alexandre Gabriel Nunes Peixoto. Os dois jovens, exemplos de superação, falaram aos adolescentes de 14 a 17 anos sobre a importância de dizer “não” às ofertas de droga, do efeito devastador da dependência química na vida das pessoas e da dificuldade de se recuperar.

Ao longo do mês, novas visitas serão agendadas.

Postado em: Notícia


Fafit e OAB promovem curso sobre Reforma Trabalhista para estudantes e advogados

Publicado em 29 set 2017

A Reforma Trabalhista trouxe para os profissionais e estudantes de Direito a necessidade de se atualizar e compreender profundamente as alterações na legislação trabalhista. Pensando nisso, o Núcleo de Prática Jurídica (NPJ) da Fafit e a subseção itarareense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) realizarão na Fafit o curso “A Reforma Trabalhista e Seus Principais Aspectos”, na segunda quinzena de outubro.

O curso será ministrado pela doutoranda e mestre em Ciência Jurídica, Aline Regina das Neves, professora e advogada especialista em Direito Civil, Processo Civil e Direito Previdenciário pela Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP).

A Fafit, em conjunto com a OAB, no compromisso de sempre manter a qualidade de formação de seus alunos e profissionais, não poderia ficar alheia ao tema da Reforma Trabalhista. Por isso, curso trará um ampla, profunda e completa abordagem dos principais aspectos da tão comentada reforma, levando seus participantes não só a conhecer as alterações e inovações legislativas, como principalmente compreender e raciocinar casuisticamente sobre os institutos e seus prováveis e possíveis reflexos”, ressaltou a coordenadora do NPJ, professora Ms. Leticia de Mattos Schroder, mestre em Ciência Jurídica e pós-graduada em Direito Aplicado.

O curso terá duração de 4 dias: 20/10; 21/10; 27/10 e 28/10, com aulas nas noites de sexta-feira – das 19h30 às 22h30 – e nas manhãs de sábado – das 8h30 às 12h30.

O investimento para estudantes é de R$125,00 e para advogados, R$250,00. As matrículas podem ser feitas no NPJ da Fafit (telefone 15-3531-8485) e na Casa do Advogado de Itararé (telefone 15-3531-3939) .

Posteriormente, o NPJ da Fafit e a OAB de Itararé lançarão o curso sobre Reforma Trabalhista para empresários, profissionais e estudantes de Administração e Ciências Contábeis.

Postado em: Notícia


Fundação FAFIT de Rádio e TV Educativa

R. Krikor Derderian, 208
Itararé / SP - CEP: 18460-000
Fone: (15) 3531-1930

Programação

Podcast

  • Os mais acessados
  • Os mais comentados
  • Próximos Podcasts

Institucional

  • Contato
  • Equipe
  • A Emissora

Redes Socias